Boletim Contexto

boletim

A Associação Brasileira de Psicologia e Medicina Comportamental (ABPMC), divulgou um boletim com artigos de pesquisadores de diferentes áreas da análise de comportamento no intuito de compartilhar parte de estudos e interesses acadêmicos com toda a comunidade científica. A primeira edição da nova gestão abre o boletim com um editorial falando sobre os planos da ABPMC.

O primeiro estudo apresentado é de autoria de Luc Vandenberghe, da Pontifícia Universidade Católica de Goiás. O tema são as três dimensões fundamentais da terapia comportamental para a dor crônica, estruturando o tratamento diante de 3 fases: a convivência, o contexto (do interpessoal ao macrossocial) e os processos.

Marcelo Benvenuti, do Instituto de Psicologia da Universidade de São Paulo (USP), fala sobre a ilusão de controle e a seleção de comportamento em um artigo que se propõe a mostrar como o conhecimento produzido através da análise do comportamento, seguindo o modelo de seleção por consequências de Skinner, pode contribuir para uma leitura inovadora de debates antigos e contemporâneos em psicologia.

O terceiro estudo é sobre o desenvolvimento sob a ótica da análise do comportamento, escrito por Tauane Paula Gehm, do laboratório de análise biocomportamental do Instituto de Psicologia da USP. O objetivo é questionar a visão analítico-comportamental construída até o momento sobre as próprias concepções de desenvolvimento formadas pelas diferentes abordagens da psicologia. Já o artigo de Pedro Fonseca Zuccolo, do mesmo laboratório de Tauane, discute sobre considerações preliminares sobre uma possível interface entre a neuropsicologia e a análise do comportamento.

Em um estudo voltado para acontecimentos mais atuais, João Ilo Coelho Barbosa, da Universidade Federal do Ceará, aborda em seu artigo o tema “Terapia por Realidade Virtual (VRET): Ume Leitura Analítico-Comportamental”. Segundo ele, a informática vem modificando e revolucionando processo em todas as áreas de conhecimento e não poderia ser diferente no campo da clínica comportamental. O objetivo, então, é fazer considerações sobre as possibilidades de utilização da realidade virtual (VR) como complemento para a terapia analítico-comportamental.

E, para finalizar o boletim, um artigo bastante interessante de Hernando Borges Neves Filho (USP) e Marcus Bentes de Carvalho Neto (Universidade Federal do Pará) sobre “A criatividade nas artes: a recombinação de repertórios comportamentais como processo básico”, retratando através da arte a recombinação espontânea de repertórios aprendidos como um processo fundamental.

Para os profissionais da área, o Boletim Contexto é uma leitura interessante, principalmente para discutir e analisar os estudos feitos da área e seus avanços. Quem quiser conferir todo o conteúdo, é só clicar no link.

Anúncios